Qual é a ligação entre Open Insurance e Open Innovation

Qual é a ligação entre Open Insurance e Open Innovation

A Transformação Digital vem revolucionando a essência das empresas. De dentro para fora, surge a remodelação e otimização de processos, assim como a possibilidade de desenvolver novos negócios, aumentando a produtividade das equipes e, consequentemente, a rentabilidade.

Acompanhar a velocidade das mudanças dos dias de hoje exige novas formas de obter o conhecimento necessário para o desenvolvimento de produtos e serviços inovadores e disruptivos.

Nesse contexto, o Open Innovation aparece como uma solução para esse futuro acelerado. Suas práticas surgem como uma possibilidade de elevar o capital intelectual.

Seu modus operandis expande a busca por conhecimento e inovação para além das fronteiras corporativas. A partir de parcerias com startups ou centros de pesquisa, é possível aumentar a quantidade e qualidade de ideias em torno do desafio, promovendo a inovação com mais agilidade.

O mercado de seguros que é extremamente regulado, ainda esbarra em burocracias, o que não é propício para os consumidores. Ainda hoje, utilizando tecnologias mais acessíveis, as informações relacionadas a apólices de seguros pessoais ou comerciais não são fáceis de obter, ou compartilhar.

No entanto, essa abordagem mudará definitivamente. Governos e agências reguladoras em todo o mundo estão observando cuidadosamente como os dados financeiros podem beneficiar consumidores e empresas, a fim de promover o desenvolvimento econômico e social. 

Portanto, pode-se dizer que o Open Insurance (seguro aberto) está intimamente relacionado ao conceito de (Open Innovation) inovação aberta. Em poucas palavras, seguro aberto é o uso do fluxo de conhecimento intencional para acelerar as capacidades de inovação interna e expandir o mercado de uso externo da inovação. Uma vez adotada a inovação aberta, as organizações irão penetrar e permitir que recursos sejam combinados com colaboradores externos. 

O cenário indica que é urgente abrir frentes para novas possibilidades – novos olhares, novas ferramentas e parceiros também. O espaço para a inovação aberta é enorme, gerado pela melhoria na experiência do usuário e aumento da competitividade.

As práticas de inovação aberta envolvem o uso de tecnologias específicas para integrar com segurança os sistemas que envolvem usuários e empresas. Essas inovações tecnológicas possibilitaram o desenvolvimento de práticas do Open Insurance. 

Permitir a realização de compartilhamento de dados e API aberta significa criar novos canais de negócios competitivos, inovar produtos, expandir a base de clientes e melhorar a experiência do usuário.

Seguradoras dispostas a adotar novas soluções, permitindo decisões mais rápidas, ganharão uma vantagem definitiva no mercado. E é preciso incentivar as grandes seguradoras a desenvolver e combinar características inovadoras, oferecidas por seus concorrentes.

Você e sua empresa estão preparados para a era Open Insurance? Não há tempo a perder! Que tal conversar com os nossos experts em mercado segurador para pensarmos juntos em soluções para 2021? Entre em contato.



Leia também o conteúdo: Open Insurance: tudo o que você precisa saber e como ele funciona

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *