Filhos e Home Office, e agora?

Em tempos de confinamento causado pela COVID-19, a estratégia de home office vem sendo adotada cada vez mais por empresas no mundo todo.

Isso aconteceu de forma muito repentina e fez com que muitos profissionais que não estão habituados com essa opção deixassem seu antigo ambiente de trabalho e montassem um escritório, muitas vezes improvisado, em sua própria residência.

Para alguns, essa mudança pode ter sido encarada facilmente, já para outros nem tanto, principalmente para colaboradores que também são mães e pais.

E é sobre esse assunto que falarei, como se manter produtivo e não perder o foco quando estamos trabalhando com crianças em casa?

Para começar, gostaria de me apresentar, sou o Vinícius trabalho como desenvolvedor de software na FCamara e sou pai da Eva, uma menininha linda de 1 ano de idade.

Felizmente trabalho em uma empresa que sempre deu a possibilidade de trabalharmos de home office, porém nunca fui muito adepto a essa possibilidade, temendo principalmente o que estamos discutindo nesse texto, de como conseguiria ser realmente produtivo com uma filha pequena em casa.

Em meio a essa pandemia tive que enfrentar esse medo e aqui estou, 1 mês após essa mudança e não poderia me sentir melhor e mais produtivo, porém nem sempre foi assim.

No começo não foi nada fácil me adaptar a essas novas mudanças, sempre tive meu “cantinho” para trabalhar e isso nunca foi um empecilho, o que realmente atrapalhava era conseguir dividir minha atenção entre meu trabalho, minha esposa e, principalmente, minha pequena Eva (referências rs).

É muito difícil dizer para uma criança de 1 ano que o papai tem que trabalhar e não pode brincar ou assistir desenho junto, além do mais que trabalho sempre em frente ao computador e ela ama mexer junto comigo (acho que está no sangue rs), o que tornava ainda mais complicado todo o processo de concentração.

Conforme o tempo foi passando, pude ir aprendendo com erros e acertos, alguns meios de me manter focado no trabalho e manter um bom relacionamento com minha família.

Sendo assim montei uma pequena rotina que tento sempre seguir para manter esses resultados.

De manhã, logo após acordarmos, tomamos café da manhã juntos e uso esse tempo para brincar com a minha pequena até dar a hora de começar a trabalhar.

Na hora do almoço, almoçamos todos juntos e logo após vem a hora da soneca da Eva, que duram mais ou menos 2 horas, aproveito esse tempo para realmente focar em meu trabalho e ir adiantando tudo que tenho que fazer.

A tarde faço pequenas pausas, de uns 15 ou 20 minutos, para poder realizar algumas tarefas domésticas e até mesmo aproveitar esse tempinho com minha filha, o que a deixa muito feliz por poder brincar mais um pouquinho com o papai.

Logo após o fim das pausas, volto para minha mesa para continuar trabalhando.

Ao fim da tarde com tudo já feito, aproveito para já deixar organizado o que terei que fazer no dia seguinte e posso finalmente curtir o restinho do dia com minha família.

Vale lembrar que não existe um segredo ou formula secreta para situações como essa, vai de cada um. Porém separei algumas dicas que podem ser muito bem aproveitadas e gerar ótimos resultados:

Pequenas pausas podem melhorar seu dia

Fazer pequenas pausas durante o horário de trabalho podem te espairecer um pouco e aproveitar esse tempinho para ficar com seus filhos deve ser primordial.

Venho fazendo isso aqui em casa e isso me ajuda muito, principalmente quando saio de reuniões cansativas ou após um grande momento de concentração com código, além do mais que minha filha adora esses pequenos intervalos.

Definir e respeitar horários de trabalho

Quando definimos horários para começar e parar de trabalhar e seguimos isso com precisão estamos criando uma rotina que após algum tempo vai ajudar muito seus filhos a compreender quando você está ou não trabalhando.

É claro que nem sempre conseguimos seguir esses horários, mas sempre que conseguirmos isso acaba se tornando cada vez mais fácil e nos ajuda a dividir nosso tempo com outras atividades.

Aproveite sua família

É muito fácil acabarmos trabalhando demais, e isso acontecia muito comigo no começo. Por nos encontrarmos em casa, em um ambiente confortável, acabamos nos empolgando muito e esquecendo do que realmente importa, estarmos com nossa família.

Então aproveite ao máximo toda oportunidade para estar junto com sua família, sempre respeitando seus horários.

Tem sido uma experiência muito agradável e recompensadora, apesar das dificuldades enfrentadas no começo.

Espero ter ajudado outros papais e mamães que estão passando pela mesma situação contando um pouco de minha experiência e dando algumas dicas que fui aprendendo nesse meio tempo.

Isso realmente vem me ajudando bastante e estou conseguindo manter o mesmo nível de produtividade que teria caso estivesse trabalhando normalmente no escritório.

Artigo desenvolvido por Vinicius Ferreira – Desenvolvedor .NET do Grupo FCamara.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *