Categorias me nu
X

categorias

X
Entenda a metodologia SCRUM e como ela pode ajudar seu negócio
Home / Categorias / Gestão e Negócios

Entenda a metodologia SCRUM e como ela pode ajudar seu negócio

por FCamara | 6 de outubro de 2016 | Gestão e Negócios

A metodologia SCRUM é hoje a mais popular entre as formas ágeis de desenvolvimento de softwares. E é sobre ela que falaremos neste artigo. Você verá aqui em que consiste e quais são os benefícios deste método. Acompanhe!

O que são metodologias ágeis de desenvolvimento?

Para começar, vamos retomar o conceito de metodologias ágeis de desenvolvimento. Ele surgiu da necessidade de fazer melhorias na forma com que os projetos de desenvolvimento de soluções de software e aplicativos são geridos, sendo que seu principal foco é satisfazer o cliente, com rapidez e assertividade nas entregas.

Sob o ponto de vista da gestão, o método de desenvolvimento ágil também podem ser vistos como uma forma diferenciada de administrar as equipes de desenvolvedores.

As metodologias ágeis estão calcada em 9 princípios:

  1. Participação ativa dos usuários;

  2. Equipes com poder de decisão;
  3. Calendário fixo, apesar da evolução dos requisitos;
  4. Captura de requisitos leves e usuais (foco somente no produto);
  5. Desenvolvimento de versões pequenas (incrementais);
  6. Entrega frequente de pacotes;
  7. Conclusão de cada recurso antes de passar para o próximo;
  8. Testes em todo o ciclo de vida do projeto;
  9. Colaboração e cooperação entre todas as partes envolvidas.

Entre as principais metodologias ágeis, encontram-se: DSDM (Dynamic Systems Development Method), XP (Extreme Programming) e o SCRUM — sobre a qual conversaremos com detalhes a seguir.

O que é a metodologia SCRUM?

A metodologia SCRUM concentra-se principalmente no gerenciamento de tarefas dentro de um ambiente de desenvolvimento baseado em equipe. Ela é relativamente simples de implementar e aborda muitos desafios de gestão que preocupam as equipes de desenvolvimento.

De acordo com a metodologia SCRUM, o desenvolvimento de softwares deve ser trabalhado em 3 níveis. São eles: Sprint, Release e Product. Assim, os requisitos são transformados em uma lista com os valores do cliente — a chamada de “Product Backlog”.

Um subconjunto desta lista é criado (“Release Backlog”), que, por sua vez, é particionado mais uma vez transformando-se e dando origem ao “Sprint” (uma espécie de acordo de desenvolvimento de funcionalidades que, depois de aceito pela equipe, apesar de as emergências que podem vir a acontecer, não pode ser alterado).

Quais benefícios ela traz para projetos de desenvolvimento de softwares?

A metodologia SCRUM é indicada para gerir aquilo que é difícil de prever no futuro — e é também por isso que ela é muito utilizada para a manutenção de sistemas.

A popularidade deste método se dá pela simplicidade. Ao controlar projetos com ele, a equipe de desenvolvimento participa de uma espécie de jogo competitivo e saudável no qual todos se autoavaliam diariamente nas chamadas “daily stand-up meeting”. E esta particularidade gamificada acaba estimulando a melhoria contínua.

O gestor de um projeto que utiliza a metodologia SCRUM é chamado de SCRUM Master. É ele quem proporciona passagem técnica e facilita o dia a dia dos desenvolvedores, retirando do caminho todos os impedimentos. Já o time em si é dividido em três papéis: Scrum Master, Product Owner e Equipe.

Como funciona um projeto baseado na metodologia SCRUM?

Em um projeto de desenvolvimento baseado na metodologia SCRUM, temos basicamente os seguintes passos:

  • O Scrum Master (gestor) monta uma lista de prioridades chamada “product backlog”;
  • Durante o planejamento de sprint, o time de desenvolvedores puxa um “backlog de sprint”, que é pequeno pedaço do topo da lista de prioridade, e decide como implementar essas peças;
  • O time tem entre duas e quatro semanas (ou o tempo determinado pelo Master) para completar as atividades. Há avaliações diárias do progresso do projeto (Scrum diário);
  • O Scrum Master tem a missão de manter o time focado em seu objetivo;
  • No final do sprint, o trabalho deve ser potencialmente utilizável. Ou seja, ele deve estar pronto para ser mostrado a uma das partes interessadas;
  • Ao final, são feitas a revisão do sprint e a retrospectiva;
  • Como o próximo sprint vai começar, o time deve escolher um outro pedaço do product backlog e começar novamente o trabalho.

Para finalizar, vamos fechar com os benefícios da metodologia SCRUM para os negócios. São eles: retorno rápido do investimento, entregas mais rápidas e regulares, aceleração da produtividade, transparência e visibilidade dos projetos (perante os clientes) e redução de custos e riscos.

Você já aplica a metodologia SCRUM em projetos de desenvolvimento? Para receber artigos diretamente em sua caixa de e-mail, assine nossa newsletter!

Comentários

inscreva-se

Fique por dentro das últimas notícias e novidades do Grupo FCamara e do nosso time #SANGUELARANJA